Baduga

Mamã

€19,50

Uma das primeiras palavras do mundo. Um nome único, que designa milhares de mulheres. Uma palavra que quer dizer amor, ternura, laço e por vezes ausência. Há tantas mamãs quantos filhos. E no entanto, em qualquer parte do mundo, todas as mamãs parecem as mesmas quando seguram os vossos bebés nos braços. As ilustrações incrivelmente poéticas e expressivas do artista belga Quentin Greban tocam a alma; textos curtos e amplos de Helene Delforge contam 30 histórias diferentes de amor materno.

Este livro é a série de diário pessoal tecido a partir das histórias de mulheres de diferentes épocas, nacionalidades, profissões, crenças de vida, mas todas elas tem uma coisa um comum -são mães que amam seus filhos. Momentos arrebatados, reflexões, esperanças, medos, sorrisos sem fim, beijos e abraços. A vida das mulheres. Os destinos das mães e filhos são tecidos por um forte fio em um. Tão trêmulo e sútil, tão profundo e terno.

As histórias contadas neste livro penetram no próprio coração desde as páginas, passando pelas pontas dos dedos e transformando-se em emoções puras. O livro para abrir as dobras da memória, chorar com as lágrimas da felicidade, sentir saudade e sentir a alegria de ser mãe.

Texto e Ilustração: Hélène Delforge | Quentin Gréban
Tradução: Joana Barata
Número de Páginas: 64
Dimensões: 21× 27,5×1,2 cm

You may also like

Recently viewed